Atalho Image Map

segunda-feira, 1 de junho de 2015

The Ballerina - trinta e um

And then it just be completely shattered
By one thing. By something so stupid
But then he'd make me feel crazy
Make me feel like it's my fault
I was in pain"

Matt P.O.V

- Então, poderia me dizer o que está acontecendo? – questionei a observando comer.
A tinha tirado daquele hotel em lagrimas a levado o mais longe que podia, e agora estamos em uma lanchonete qualquer em uma noite fria em Paris.
- Matt eu juro que te esgano caso conte para alguém isso. – sorrio agora vendo a garota por a qual me apaixonei. – Absolutamente ninguém pode saber.


- Não é como se eu fosse contar para alguém... Eu só quero lhe ajudar.
- E o que você ganharia em troca com isso? – ela pergunta como se duvidasse.
- Pelo seu bem estar?  Porra eu me preocupo com você e muito, aceite este fato.
- Que seja. – ela da de ombro me fazendo suspirar e revirar os olhos irritados.
- Sabe eu sou idiota, te vejo aos pratos chorando e tento de ajudar mesmo com tudo o que me faz, e olha o que recebo em troca? Apenas o de sempre de você e sua ignorância, tento levar no humor, mas às vezes isso cansa. - olho em seus olhos quando pela primeira vez na noite ela permite. – E tudo isso pelo simples fato que não consegue aceitar o que eu sinto por você.
- Somos amigos isso não basta para você?
- Somos amigos nos momento que você acha necessário, no outro somos como cão e gato.
- Desculpe-me se isso não é o suficiente para você.
- Desculpe-me se você não consegue aceitar os sentimentos das pessoas por você.  – ela pisca os olhos algumas vezes incrédulos antes de suspirar e abaixar a cabeça olhando para seu sanduiche.
- Você conhece aquela frase que diz ‘nós aceitamos o amor que achamos merecer’?
- Não.
- Então... É meio que isso.
- E por isso só aceita o amor de Zayn? – ela suspira e sei que sim. – Conhece aquela frase que duas peças de quebra-cabeça iguais não se encaixam? - ela nega com a cabeça com um pequeno sorriso nos lábios. – Pois bem, vocês não iguais e não se encaixam.
- Mas ele é a única pessoa que me entende.
- Como pode ter tanta certeza? – arqueio uma sobrancelha. - Já permitiu que outras pessoas te entendessem? Bem... Estamos os dois aqui agora, você poderia me dizer o que se passa nessa mente ai.
- Não quero te preocupar com meus problemas fúteis
- Fúteis ou não, são problemas e eu quero te ajudar.
- Bem... Só se você me comprar batatinha fritas. – eu acabo gargalhando.
- Serio? Mas você mal comeu seu sanduiche.
- E dai? Eu quero batatinhas agora.
- Tudo bem. – chamo a garçonete e peço duas porções de batatinhas e mais duas refrigerantes.  – Pronto, agora me permita lhe entender.
- Bem... Eu e Zayn terminamos, como você sabe e ele está aqui em Paris, ele veio com Niall.
- Eles vieram? Eu não sabia.
- É... Foi uma surpresa de Niall para e Zayn veio junto.  – ela conta com os olhos brilhando quando ver a garçonete nos servi nossas batatinhas. – E bem...  Zayn me chamou para conversa e eu pensei ‘Ele quer se reconciliar’ como uma boba apaixonada, mas eu estava enganada. Ele só disse que queríamos que fossemos amigos novamente, isso não é ridículo? – ela diz com a boca cheia de batatinha e eu me seguro para não rir. – Ele ainda me diz que está apaixonada por outra e essa outra nem quer ele. Homens são todos uns merda. Mas é obvio que tinha outro na historia e agora eu quero saber quem é a vadia.
- Calma ai, porque a garota seria vadia? Como você mesmo disse ela nem o quer, ele que quer e deve ser idiota por te trocar por outra.
- Que se foda, ela acabou com meu relacionamento, querendo ou não acabou e eu já odeio tanto por isso.
- Ok , mas foi por isso que estava chorando.
- Foi... – ela se encolhe em constrangimento. – Eu sei, é idiota chorar por homem, mas eu o amo.
- Claro, o ama. – me mecho incomodado. – Mas , não o julgue, às vezes não escolhemos a quem amar, apenas acontece, e não temos culpa se não for correspondido. Agradeça-o por ter sido honesto e não ter te traído.
- Então você não tem sido honesto com Tessa.
- Sou, ela sabe o que sinto por você, mas eu estou dando uma oportunidade a mim mesma de amar outro alguém, não posso viver minha vida toda correndo atrás de você.
- Porque não?
- Você não sente o mesmo e vive me dando fora.  Bem, você ama o Zayn e não tem nada que eu faça para mudar isso.
- Er... – ela olha para o lado. – Acho... Vou te confessar algo.
- O que?
- Eu senti ciúmes de Tessa. – por pouco me engasgo com minha refrigerante.
- Como?
- Não sei, apenas sentir sabe? Eu sempre gostei de te ver correndo atrás de mim e insistindo, quando ela apareceu eu soube que não seria mais assim. Nem te irritar eu posso mais.
- Você gosta de me irritar ne? – digo sorrindo e ela pega uma batatinha e joga em mim. – Não estrague comida.
- Acho melhor voltarmos para o hotel... Não quero que fique muito tarde.
- E dai se ficar tarde? Você está com o melhor guia turista de Paris.
- Estou? – ela arqueia uma sobrancelha.
- Sim, está, então acho bom você tirar essa maquiagem borrada do rosto e voltar a ser a garota forte que conhece, porque a noite está apenas começando.
- Eu pensei que fossem todos sair essa noite.
- Mudança de planos, vamos só nós dois. Você precisa se chacoalhar e melhorar.
- Eu estou toda borrada todo esse tempo e só agora vem me dizer? Eu juro que te mato Matt.
- Você pode matar, só não agora. Vai logo ao banheiro! – ela me olha ameaçadora, mas se levanta e vai correndo ao banheiro da lanchonete. Eu sorrio vendo sua visão, ver ela mais animada me deixar feliz, eu nunca pensei que fosse lhe ver chorando tanto como vi no corredor daquele hotel e partir de hoje prometo a mim mesmo que nunca mais a verei chorar. Que nunca irei permitir que alguém lhe faça chorar, porque só se faz de forte, mas é a pessoa mais frágil que conheço.


Anterior      Próximo 

3 comentários:

  1. Esse cap ficou meio confuso
    Era pra esse cap ser o 31 e não o 32 e tipo o 30 terminou diferente da onde esse cap começou
    Mas mesmo assim eu gostei muito

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada por informar, irei ajeitar

      Excluir

✖ Sugestões e críticas são bem vindas.
✖ Caso o script interativo não esteja pegando, informe, por favor.